sábado, 19 de janeiro de 2013

My Dear brother from evil [2]



                                                        Quero saber quem você é
                                                      Quero saber por onde começar
                                      Eu quero saber o que isto significa-Avril Lavigne(Fall To Pieces) 


Narração do autor:

Estavam todos a mesa jantando a família toda reunida,os pais de Ivy e Justin
tinham hábitos de ter sempre a família por perto já que Pattie não se dá muito bem com 
sua mãe e Jeremy também não tinha uma ótima convivência com seu pai

Jeremy:então Ivy o que você fez hoje querida?
Ivy:a eu brinquei de bonecas-olhou para Justin que pedia mentalmente que ela mentisse
e Justin-nesse momento o corpo inteiro de Justin tremeu,me ensinou a pular corda
Pattie:que ótimo doçinho,e você querido o que fez?
Justin:a mãe você sabe joguei video game 
Jeremy:hum espero que você esteja bem na escola
Justin:to sim pai
Jeremy:e as garotas?gosta de alguma?
Justin:não pai,ainda não
Pattie:acho que é muito cedo ainda

Se soubessem tudo o que Justin ja sabia sobre garotas e sexo Pattie e Jeremy ficariam
impressionados

       22:30 Da noite

Ivy estava em sua cama enquanto sua mão lia uma história de princesas pra ela

Pattie:pronto querida hora de dormir-se levantando da cama
Ivy:tudo bem mamãe
Pattie:boa noite doçinho-beijo na testa
Ivy:boa noite mamãe

Ivy fechou seus olhinhos azuis e acormeçeu

      2:30 da manhã

Ivy se revirava de um lado para o outro sua barriga roncava,ela estava com fome,se levantou
coçou seus olhos e se dirigiu até a cozinha,mas assim que passou em frente a porta do
quarto do irmão ouviu gemidos,a única coisa que se passou pela mente ingênua da pequena
foi que o irmão estava mal,tinha comido alguma coisa que não fez ao seu estômago e agora
estava com fortes dores de barriga,Ivy abriu a porta 

Ivy:Juss-sussurou

A pequena encontrou seu irmão em sua cadeira do computador de costas pra ela
ela entrou em seu quarto e viu sua tela do computador aonde havia mulheres nuas se beijando
ela não entendeu aquilo e de tão nojento que fez uma careta
O irmão se encontrava atento olhando a tela do computador,e sua mão se encontrava dentro de suas calças
Ivy estava um pouco afastada de Justin o suficiente para vê-lo,o irmão mexia sua mão freneticamente
dentro das calças,Ivy nesse momento estava com sua cabeçinha a mil,várias perguntas reviravam
O porque do irmão ver aquilo,o porque dele estar com a mão nas calças e porque ele gemia tanto
com aquilo tudo,ela não entendia mais nada
Ivy tão pequena,tão frágil,sua cabeçinha não era tão avançada pra entender o porque de tudo aquilo
Já que seus pais nunca falavam de sexo na sua frente,e nunca falvam palavrões Ivy e Justin tinha uma educação impecável
Ivy queria falar alguma coisa mas tinha medo que seu irmão brigasse com ela,ele fazia isso sempre que a irmã
entrava em seu quarto sem pedir

Ivy:Juss porque você esta olhando isso?-falou com sua voz meiga

Justin se assustou e se virou para trás encarando sua pequena irmã com uma camisolinha
de ursinhos,ele repidamente desligou o computador e tentou meio atrapalhado fechar sua calças
Ele levantou rapidamente encarando aqueles olhinhos azuis que esperavam por uma resposta sua

Justin:o que você está fazendo aqui droga?


Que bom que vocês estão gostando, e quem perguntou se eles são irmãos de sangue talvez sim talvez não isso vocês vão descobrir,comentem bastante beijos loves


     (Falaram que ele postou no instragram e depois apagou não sei       se é verdade só sei que eu gosto do que vejo kk)

sexta-feira, 18 de janeiro de 2013

Obsessive love capitulo 7

Eu:ta,mas não vamos sair sabado
Jason:eu sei mas,podemos sair hoje e sabado
Eu:ta ok
Jason:te pego as 19:00 ok?
Eu:ok,eu tenho que ir
Jason:ta a gente se ve a noite
Eu:ta-bj na bochecha

Eu on:fui pra casa 
e comi alguma coisa,e fui escolher um vestido
pra hoje a noite,provei alguns ate que escolhi o meu
favorito,resolvi ligar pro meu pai pra avisar
ja que ele só chega as 19:30

Ligação on:

Eu:alo
Sp(seupai):oi filha
Eu:eu vou sair hoje a noite
Sp:tudo bem,contanto que não se atrase pra escola 
Eu:não,eu não irei voltar tarde
Sp:ta,com quem você vai?
Eu:um amigo da escola
Sp:ta,então beijo tchau
Eu:tchau pai

Eu on:fui olhar um pouco de tv,e depois mexer
no computador,conversar com a Jas e a Cait
fiquei horas la,ate que o celular do meu pai vibrou de novo,outra mensagem da
policia,o que eles querem de novo?

"conseguimos uma foto do garoto,vamos te mandar
em breve"

Eu on:que otimo agora é so ir na escola encontrar ele,contar pro meu e
esse vagabundo vai pra cadeia,ja era umas 18:30,eu fui tomar um bom
banho e me arrumar,coloquei o meu vestido e fiquei 
esperando ele,deu alguns minutos e Jason chegou,porque não me impressiono
dele saber aonde eu moro?peguei o celular do meu pai e coloquei na minha bolsa
quero muito saber quem é esse garoto

Muito poucos comentários pra esse ib eu sei ta chato,mas no próximo as coisas ficam mais interessantes ok,beijos loves 


                                              (é muita fofura)

quinta-feira, 17 de janeiro de 2013

quarta-feira, 16 de janeiro de 2013

Aviso!!!

Bom eu ja disse A criminal in my life esta voltando,agora na sua segunda temporada eu não sei se vai ser a mesma coisa de antes porque eu to cheia de histórias pra escrever e complica um pouco mas eu vou tentar okay,ela será postada aos domingos tradução eu posto a semana inteira agora
Não vai ter muito capitulos porque eu não tenho muitas ideias pra essa história,então beijos loves
Divulgando:http://prouddtobeabelieber.blogspot.com.br/

http://cannibalbieber.blogspot.com.br/
Divulgando:http://iimagiine-beliiebeer.blogspot.com.br/

terça-feira, 15 de janeiro de 2013

Aviso para Swaggy Beliebers

Então Swaggy Beliebers eu nunca vi uma leitora gostar tanto de um ib,eu ja tinha falado com você  que quem posta é a Jenni mas agora que ela ta com a história the walking dead ela não tem mais criatividade pra essa história,e eu bom eu to com sete histórias pra terminar e ta difícil até pra escrever,eu tenho medo de não conseguir terminar o que eu começo porque eu não gosto de desapontar ninguém,a respeito que você falou que as vezes eu demoro pra postar vou te explicar o seguinte eu sou viciada em ibs tipo muito eu não consigo ficar um dia sem ler,eu lei aqui no blogger,no nyah e no anime spirit,as vezes eu fico noites em claro lendo e isso é um problema porque,meu pai não gosta quando eu fico muito tempo no computador porque eu me prejudico né,e eu estudo de manhã ai isso tira me desempenho na escola,e bom eu acabo dormindo até tarde ai eu não escrevo as minhas histórias,mas agora eu estou escrevendo e deixando tudo pronto,bom a respeito do ib A criminal in my life eu começei então eu vou terminar,pelo menos tentar né,a Jenni parou no segundo capitulo eu vou continuar apartir dali ok,beijo love

segunda-feira, 14 de janeiro de 2013

love me like you do capitulo 18

Justin:não-me afastanto dela
você tem que ir embora
Eu:porque?-se sentando no chão
Justin:porque sim,vai agora-fechando minha calça
Eu:só se você disser que não sente mais nada por mim
Justin:eu não sinto mais nada por você Seu nome-falei rude

Pela primeira vez eu fui rude com ela,eu não poderia ver sua reação
só ouvi uma fungada e depois a porta sendo fechada bruscamente
suspirei e localizei o sofá me jogando no mesmo,agora sim acabou,acabou pra sempre

Justin off

Seu nome on:Cheguei em casa com algumas lágrimas nos olhos
nunca imaginei que ele fosse falar aquilo pra mim assim tão fácil,isso dói e dói muito
Assim que abri a porta me deparei com meu pai descendo as escadas

Anthony:brigou com o namorado filha-em tom de brincadeira
Eu:não porque eu não tenho namorado
Anthony:que bom que você desistiu do ceguinho
Eu:ele desistiu de mim
Anthony:filha ele não é pra você ok?
esqueça ele tem que pensar no seu futuro,imagina que futuro
você teria com ele?

Talvez o futuro mais feliz do mundo,e que eu seria realmente amada
já que você não faz isso né pai?

Eu:nenhum
Anthony:ótimo,hoje um grande amigo meu empresário virá aqui
ele vai trazer o seu filho quem sabe vocês não se dão bem

Tradução você tem que se dar bem com ele

Eu:tudo bem pai
Anthony:ótimo filha,fique bem bonita ok?
Eu:ta eu vou subir
Anthony:ok-se dirigindo a cozinha

Fui direto pro meu quarto e me joguei na cama,as vezes eu sou muito burra mesmo
eu acabo acreditando demais nas pessoas,e eu me entrego,me entrego aquilo de corpo e alma
eu amo o Justin e eu definitivamente me entreguei a ele,e por um momento ele me fez esquecer de tudo
me fez acreditar,e todos aqueles momentos juntos eu fui amada e me sentia feliz,por todos aqueles momentos
eu acreditei em mim


                                        [........]

Já se passava das 20:00 horas eu estava me arrumando para esse tal jantar,se eu tivesse
opções eu ficaria aqui dentro trancada,mas como eu disse se eu tivesse
Eu estava pronta só colocaria meus sapatos,dei uma última checada na minha roupa e sai do meu quarto

e desci as escadas,meu pai se encontrava em pé perto de um homem que aparentava ter mais ou menos uns 40 anos
os dois conversavam distraidos enquanto um garoto ficava olhando a casa nem prestando atenção na conversa dos dois
Não pude deixar de reparar ele era muito bonito olhos claros,cabelos escuros e uma pele clara
,também estava de terno 
um meio acinzentado,meu pai notou minha presença e sorriu pra mim retribui com um sorriso sem mostrar os dentes
Desci o último degrau meu pai pegou em minha mão e me levou até eles

Anthony:essa é minha filha Seu nome,esse é o Christopher(imaginem ele de terno) o amigo que eu te falei
e esse é o filho dele Pether
Eu:oi-estendendo a mão para o senhor a minha frente
Christopher:olá querida-a apertando
Eu:oi-sorri sem mostrar os dentes
Pether:oi-sorriu tímido

Anthony:porque vocês dois não sobem e vão conversar um pouco,e quanto o jantar estiver pronto
eu os chamo
Pether:não gostaria de conversar no quarto de sua filha acho que uma garota só deve chamar um garoto
para o seu quarto quando eles forem muito íntimos senhor

Nossa que educado e gentil,é esse Pether era diferente e me fazia lembrar de alguém

Anthony:que isso Pether pode subir tenho certeza que Seu nome não se importará né filha-me olhando
Eu:claro que não
Pether:então tudo bem



Subimos e entramos no meu quarto eu encostei a porta me sentei na cama e ele ao meu lado
O silêncio reinou até que eu decidi quebrá-lo

Eu:foi gentil da sua parte falar aquilo

Ele deu uma gargalhada alta,e me olhou

Pether:como se aquilo fosse verdade né gatinha-sorriu
Eu:o que?
Pether:sabia que você é uma deliçinha-sorriu maliciosamente
Eu:como você se atreve a falar assim comigo?
Pether:estou louco pra nos ficarmos mais íntimos-falou ignorando totalmente minha pergunta

Como eu não percebi antes rosto de anjo alma de demônio,talvez o único que realmente
tenho rosto de anjo e alma pura seja ele somente ele é tão perfeito assim

Postei,demorei com esse capitulo nossa estava complicado escrever porque estou sem criatividade pra esse ib,mas eu começei então eu vou terminar
Obrigado pelos comentários,são sempre muito lindos e vocês sabem o quanto pra mim é importante que vocês gostem
Então Meby eu ja estou te seguindo,bom eu quase nem entro no twitter só entro mesmo quando o Justin twitta alguma coisa,mas se eu lembra eu aviso sim ok,sejam muito bem vindas leitoras novas e espero que gostem das minhas histórias é isso eu vou postar o novo ib so domingo ok e depois eu posto ele normalmente igual os outros até o próximo capitulo beijos loves


                                   (existe coisa mais fofa no mundo :D)

My Dear brother from evil [1]

                                                ♪ Eu sou maltratada, eu não quero ser
                                    Não ser sua escrava-Taylor Momsen(Miss Nothing) 


Flashback On:(2003-Ivy 7 anos,Justin 9 anos)

Narração do autor

E lá estava a pequena Ivy no jardim brincando com sua
casinha e sua bonecas
A doce Ivy,mora com seus pai e seu irmão mais velho Justin
com quem tem uma convivência ótima
Porém seu irmão não é mais tão criança assim
Justin andava com garotos bem mais velhos que ele e acabava aprendendo
coisas que não devia e pela primeira vez ele tentaria experimentar essas "coisas"
em sua pequena irmã
Justin deu uma olhada dentro de casa concerteza seus pais haviam ido ao supermercado
já que a geladeira tinha pouca comida,Justin avistou sua irmã no jardim e foi até lá

Justin:oi Seu nome
Ivy:oie-abraçando o irmão
Justin:o que você esta fazendo?
Ivy:brincando,quer brincar também?
Justin:quero mas vamos brincar de outra brincadeira
Ivy:qual?-soltando sua boneca na mesinha
Justin:vamos pro meu quarto que eu te mostro-estendendo a mão

A pequena foi sem exitar mal poderia imaginar que seu irmão pervertido
tinha segundas intenções com ela,Justin não achava aquilo errado já que seus amigos
diziam que aquilo era normal então para o garoto se divertir com a irmã mais nova
de fato não era errado
Eles entraram no quarto de Justin,poucas vezes Ivy entrou ali já que o irmão de uns meses
pra cá se distanciou dela,Justin sempre foi um ótimo irmã e muito carinhoso mas agora ele não
era mais o mesmo menino de antes

Ivy:do que a gente vai brincar Juss?
Justin:de namorado e namorada
Ivy:namorado e namorada isso não é errado?
Justin:não meus amigos brincam com suas irmãs e eles acham divertido
Ivy:então tá
Justin:você tem que me beijar namorados se beijam

Ivy fez um biquinho com sua pequena boca e fechou seus olhinhos
esperando o irmão tocar seus lábios,ela esperou uns cinco segundos e nada

Justin:não Ivy selinho não,eu quero beijo como o papai e mamãe se beijam
Ivy:mas eu não sei Juss
Justin:eu vou te ensinar

Justin se aproximou da irmã e colou seus lábios nos dela
e introduziu sua língua dentro de sua boca,Ivy estava sem reação e apenas encarava
o irmão com os olhos fechados e parecia que ele gostava daquilo
Justin terminou o beijo com dois selinhos

Justin:bom agora você deita na minha cama
Ivy:não Juss,acho que é melhor eu voltar lá pro jardim
Justin:vamos lá Ivy deita logo vai

A menina deitou e ficou observando o irmão tirar as calças,aquilo realmente
fez a pequena ficar com medo mesmo não sabendo o porque do irmão fazer aquilo
Ela notou um volume estranho em sua cueca mas não sabia o que era,Justin se aproximou
e sentou nos pés da cama,aproximou sua mãos da sainha vermelha que a irmã usava e a ergueu
foi deslizando a calçinha até sua irmã segurar suas mãos

Ivy:não Juss
Justin:shi deita-empurrando levemente o peito da garota

Justin tirou sua pequena calçinha rosa e a tocou no chão,mas assim que se levantou
para tirar a cueca ouviu a porta da cozinha ser aberta

Pai:IVY E JUSTIN PAPAI E MAMÃE CHEGARAM

Justin rapidamente colocou as calças e entregou a calçinha a irmã
a ajudou a colocar porque ela estava confusa e com medo

Justin:agora você vai ir pra cozinha ok
Ivy:ta
Justin:e não pode contar pra ninguém isso
Ivy:porque Juss?
Justin:é o nosso segredo
Ivy:tudo bem
Justin:boa menina-sorrindo

Ta ai espero que gostem essa história agora será postada aos sábados ok beijos loves

domingo, 13 de janeiro de 2013

Sinopse de My Dear brother from evil

My Dear brother from evil
tradução:
Meu querido irmão do mal

Flashback On:(2003-Ivy 7 anos,Justin 9 anos)

Narração do autor

E lá estava a pequena Ivy no jardim brincando com sua
casinha e sua bonecas
A doce Ivy,mora com seus pai e seu irmão mais velho Justin
com quem tem uma convivência ótima
Porém seu irmão não é mais tão criança assim
Justin andava com garotos bem mais velhos que ele e acabava aprendendo
coisas que não devia e pela primeira vez ele tentaria experimentar essas "coisas"
em sua pequena irmã
Justin deu uma olhada dentro de casa concerteza seus pais haviam ido ao supermercado
já que a geladeira tinha pouca comida,Justin avistou sua irmã no jardim e foi até lá

Justin:oi Seu nome
Ivy:oie-abraçando o irmão
Justin:o que você esta fazendo?
Ivy:brincando,quer brincar também?
Justin:quero mas vamos brincar de outra brincadeira
Ivy:qual?-soltando sua boneca na mesinha
Justin:vamos pro meu quarto que eu te mostro-estendendo a mão

A pequena foi sem exitar mal poderia imaginar que seu irmão pervertido
tinha segundas intenções com ela,Justin não achava aquilo errado já que seus amigos
diziam que aquilo era normal então para o garoto se divertir com a irmã mais nova
de fato não era errado
Eles entraram no quarto de Justin,poucas vezes Ivy entrou ali já que o irmão de uns meses
pra cá se distanciou dela,Justin sempre foi um ótimo irmã e muito carinhoso mas agora ele não
era mais o mesmo menino de antes

Ivy:do que a gente vai brincar Juss?
Justin:de namorado e namorada
Ivy:namorado e namorada isso não é errado?
Justin:não meus amigos brincam com suas irmãs e eles acham divertido
Ivy:então tá

Justin:você tem que me beijar namorados se beijam

Ivy fez um biquinho com sua pequena boca e fechou seus olhinhos
esperando o irmão tocar seus lábios,ela esperou uns cinco segundos e nada

Justin:não Ivy selinho não,eu quero beijo como o papai e mamãe se beijam
Ivy:mas eu não sei Juss
Justin:eu vou te ensinar

Justin se aproximou da irmã e colou seus lábios nos dela
e introduziu sua língua dentro de sua boca,Ivy estava sem reação e apenas encarava
o irmão com os olhos fechados e parecia que ele gostava daquilo

Personagens:

 Ivy:











Justin Bieber:










Barbara:













Tyler:










Bom é isso loves se acharem muito pesado e não quiserem que eu continuo eu não continuo ok é vocês que mandam aqui,só uma coisa ele não vai estrupar ela,e os outros personagens vocês vão conhecendo ao decorrer da história
Uma aviso se eu definitivamente não tiver criatividade pra essa história eu excluo ela ok,mas eu vou tentar,beijos loves

quinta-feira, 10 de janeiro de 2013

Sorry!!!

Eu sei que deveria ter postado ms é que eu estou sem criatividade para love me like you do e thinking of you mas vou ver o que consigo escrever ok
Bom vai ser assim agora eu vou postar um ib por dia,vai ficar assim:

Segunda-feira:Love me like you do
Terça-feira:Thinking of you 
Quarta-feira:My nanny belieber
Quinta-feira:A segunda temporada do ib do Jason Mccann
Sexta-feira:Obsessive love
Sábado:My dear from evil
Domingo:A criminal in my life segunda temporada
É isso beijos loves

quarta-feira, 2 de janeiro de 2013